31 de outubro de 2007

grafomania

Esgrimindo tocos de grafite, esfalfa-se em escrevinhar acrósticos e adivinhar crepúsculos.
Freqüenta as graves diatribes da escola, e escolhe a dedo as palavras gráceis, ou grossas.
Dia desses, sem mais chega um e diz a ele:
- Seu grifo, tu és acadêmico?
- Não sei. Grafo pandêmico?
O grifo e o outro ficaram na mesma.
Postar um comentário